terça-feira, 2 de dezembro de 2014

O MAU HUMOR É UMA ESTRADA ESBURACADA, MAS DE MÃO DUPLA




O mau humor tem de ser encarado como doença, e não como um simples aspecto da personalidade.
Uma pessoa com a fisionomia carrancuda, com raiva de todo mundo, na iminência do ataque, prejudica a si mesma e, obviamente, aos outros.
É um egoísta que vive querendo impor sua "tragédia particular" aos outros. Se é infeliz, os outros também têm de ser...
Alguém que seja assim precisa de muito esforço e humildade para realizar uma transformação. A mudança, neste caso, requer coragem, dá trabalho, já que implica abandonar paradigmas antigos, ou seja, deixar para trás velhos costumes, conceitos enferrujados.
O bom humor, porém, vale a pena: traz inúmeras vantagens.
Uma pessoa bem humorada é melhor em todos os aspectos de sua vida: é mais saudável, tem mais amigos, trabalha melhor, vive, enfim, com mais alegria!!!


Ronaldo Vaz
Enviar um comentário